Movimentos sociais em BH realizam a II Marcha Internacional contra o Genocídio do Povo Negro

marcha

Movimentos sociais de Belo Horizonte realizaram na última sexta-feira, 22 de agosto, a II Marcha Internacional contra o Genocídio do Povo Negro.

Concentrados na Rua Aarão Reis, próximo à Praça da Estação, os/as mais de 150 ativistas seguiram pela Rua da Bahia e caminharam pela Avenida Afonso Pena até a Praça da Rodoviária.

Os manifestantes marcharam em prol da vida e dos direitos do povo negro brasileiro, repudiando todas as formas de racismo no país, especialmente o extermínio cotidiano da população negra nas periferias. Também chamaram a atenção para a violação do direito à moradia das 8 mil famílias ameaçadas de despejo nas ocupações urbanas Rosa Leão, Esperança e Vitória, na Região do Isidoro, em BH.

Em Minas Gerais, a Marcha foi articulada pelo comitê Reaja Minas, em parceria com outros grupos e movimentos da sociedade civil. O protesto aconteceu também em outras capitais brasileiras, como São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador.

Veja mais fotos da Marcha em nossa página do Facebook.