Juventude organizada contra aumento da passagem em São Paulo

Manifestação foi duramente reprimida pela polícia

Nesta quinta-feira a juventude organizada contra o aumento do preço da passagem do transporte urbano foram aterrorizados pela polícia. Cerca de 20 mil manifestantes foram duramente reprimidos pela tropa de choque comandada pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) e respaldados pelo silêncio das autoridades municipais.

Imagem: Brasil de Fato

Imagem: Brasil de Fato

Nem a imprensa foi poupada. Os meios de comunicação de massas que até ontem rotulavam os manifestantes de “baderneiros”, hoje tiveram que lidar com a contradição da violência contra seus próprios comunicadores.
Mais protestos estão sendo organizados. A próxima marcha contra o aumento da passagem em São Paulo está sendo convocada para a próxima segunda-feira, 17 de junho.

Fonte: Brasil de Fato