Festival Família Dandara: “caldeirão” agitou a comunidade!

IMG_3898

O último domingo, 15 de novembro, foi de festa para a Ocupação Dandara, na região de Venda Nova! Durante parte da tarde e à noite, aconteceu na comunidade o Festival Família Dandara: o bonde nunca para, que reuniu crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos da ocupação e também de outras regiões para conhecer e prestigiar talentos da Dandara.  O evento foi organizado por um núcleo de jovens moradores da comunidade e faz parte de um processo formativo realizado pelo Fórum das Juventudes junto a três coletivos juvenis da Grande BH. Além das/os jovens da Dandara, participaram da jornada o grupo de hip hop Mafiossos, de Santa Luzia, e o coletivo de poesia marginal Nosso Sarau, atuante em Sarzedo.

IMG_4126O “caldeirão” de atrações – como nomearam as/os organizadoras/os – teve início com um uma batalha de Passinho do Romano entre moradores da Dandara, da ocupação Vitória e do grupo Mafiossos. A poesia marginal também teve lugar garantido durante todo o evento, com declamações de poetas dos coletivos Mafiossos e Nosso Sarau. Um dos momentos mais emocionantes do evento aconteceu quando subiram ao palco os jovens da recém-criada “Família Dandara”. Leandro Batista, o Logan, disse: “esse é um momento muito importante para esse grupo, porque marca o início de outros projetos de vida pra nós”. Diógenes Luiz, o MC Dijin, falou sobre sua recente passagem pelo sistema prisional e sobre o quanto a organização daquele evento havia sido importante para ampliar perspectivas.

O funk consciente deu o tom no restante da noite. Subiram ao palco o MC Diego, do Nosso Sarau, de Sarzedo; e oIMG_4255s DJs RD, Dijin e Junin, da Comunidade Dandara. Para o comando do som durante todo o dia, o grupo convidou o DJ CJ e a equipe Mix, que mandaram uma mistura de sertanejo, funk, rap, forró e tudo o que soasse bem aos ouvidos do grupo. Um verdadeiro caldeirão!

Processo formativo

O processo formativo realizado pelo Fórum junto aos coletivos Nosso Sarau e Mafiossos e a um núcleo juvenil da Comunidade Dandara envolve discussões sobre identidades, formas de ocupação da cidade, articulação de redes e estratégias para potencializar a ação coletiva dos grupos. Todos esses temas estão articulados ao enfrentamento à violência contra as juventudes, a partir dos conteúdos da plataforma política Juventudes contra Violência, lançada pelo Fórum em agosto de 2014.

IMG_4453Além de participarem de formações, os grupos prepararam uma vivência para os outros dois núcleos integrantes da jornada. Apelidados de rolezinhos, os encontros acontecem nos territórios em que vivem/atuam esses grupos e foram abertos à participação de outras pessoas. A primeira intervenção, AME, aconteceu em Santa Luzia no dia 31 de outubro, sábado. Em 7 de novembro, domingo, o coletivo Nosso Sarau promoveu o Rolezinho Cultural, em Sarzedo, na Grande BH.

 

Núcleo Juvenil da Ocupação Dandara

O grupo é formado por jovens moradoras/es de uma das maiores ocupações urbanas de Minas Gerais, que conta com cerca de 1000 famílias organizadas na luta pelo direito à moradia. Trazendo em seu nome uma homenagem à guerreira negra do período colonial brasileiro e companheira de Zumbi dos Palmares, a Ocupação Dandara existe há mais de seis anos e está localizada no bairro Céu Azul, na regional Venda Nova de Belo Horizonte. Os/as jovens estão envolvidos com atividades ligadas ao lazer e à sociabilidade no território, incluindo o futebol, o funk e o hip hop, e também participam de ações de mobilização associadas à luta por moradia e outros direitos sociais.

dandara