Em Sintonia com os Limites da Cidade – oKupe a Favela com Arte

No dia 29 de junho, o Centro Cultural São Bernardo, na Zona Norte de BH, recebeu o evento “Em Sintonia com os Limites da Cidade”. Realizado pelo Coletivo Conexão Periférica, foi um dia que reuniu poesia, música, teatro e intervenção de dança de rua. Participaram cerca de 60 pessoas, que ocuparam o espaço do Centro e que viam também, das ruas próximas, o evento acontecer. Passaram pelo palco do centro cultural os grupos musicais Instinto (Zona Oeste), Casa Amarela (São Mateus, Contagem), IP 4:20, Dokttor Bhu e Shabê (Zona Norte), Coletivo Contraindicação e Plugados Apoena (Serra). Houve, também, uma intervenção cênica com Gladson de Paula e a “Família do Garçom”, leitura de poesias, batalha de MCs e break dance com o grupo Fatal Black.
conexão periférica

Nesse dia, também, houve a apresentação da campanha “Juventudes Contra Violência”, empreendida pelo Fórum das Juventudes da Grande BH. O objetivo da campanha é sensibilizar a sociedade para o problema da violência contra os jovens, que é a camada social que é mais atingida por esse problema. Entenda-se violência não apenas no sentido letal, mas tudo o que se refere com violações de direitos – tais como impossibilidade de locomoção pela cidade por causa de uma passagem cara; a discriminação por causa da orientação sexual; o racismo e outras violências simbólicas. O evento é uma realização de contrapartida à Lei Municipal de Incentivo à Cultura, da qual o Conexão Periférica foi beneficiado por meio do Fundo de Projetos Culturais. É dinheiro público sendo reinvestido e injetado na sociedade. Créditos de Dokttor Bhu.

Fonte: ConexãoPeriférica/facebook